Cuscuz de couve-flor com cogumelo – Bela Gil

Minha sogra viu na TV, deu a dica e um dia fizemos em um jantar para testar.

Adoramos a receita, o sabor oriental e não é que parece um cuzcuz? Vai virar rotina aqui em casa. Eu não tinha semente de girassol e adaptei para lascas de amêndoas.

Link da receita no GNT. Clique aqui

photo278046798695737287

photo278046798695737288

INGREDIENTES/UTENSÍLIOS

  • 1 cabeça de couve-flor crua
  • 1 xícara de salsinha picada
  • 1 xícara de azeitona picada
  • 1 colher de sopa de tomilho fresco
  • 1 xícara de cenoura ralada
  • ½ xícara de semente de girassol tostada
  • ½ cebola picada
  • 1 dente de alho picado
  • 2 xícaras de cogumelo paris fatiado
  • Azeite extra virgem
  • Molho shoyo
  • Óleo de gergelim tostado
  • Sal marinho
  • Pimenta do reino
  • Brotos ou mini folhas verdes para enfeitar

COMO FAZER

  1. Coloque uma panela com água e sal para ferver.
  2. Corte a couve-flor em flores, coloque na água e deixe ferver por 3 minutos. Deixe esfriar e bata no processador até se tornar um cuscuz.
  3. Despeje a couve-flor numa tigela e misture a salsinha, azeitona, tomilho, cenoura e semente de girassol.
  4. Refogue o cogumelo com alho e cebola e finalize com um pouco de shoyo.
  5. Misture a couve-flor na panela com os cogumelos. Tempere com azeite e óleo de gergelim tostado. Decore com brotos ou mini folhas verdes. Sirva quente ou gelado.

Pode ser conservado na geladeira por dois a três dias.

Farfale ao molho oriental com castanha de caju – Celeiro

Essa salada é sucesso garantido. Já aconteceu de no meio do jantar eu ter que aumentar a quantidade. Se a massa tiver cozida, é um minuto. O óleo de gergelim torrado é um ingrediente fundamental para a salada, deixa ela com aquele gostinho oriental todo especial. A salada tem um toque agridoce e crocante. A receita original usa coentro, mas eu não coloquei: aqui em casa é proibido. Para cortar as cenouras use um mandoline que corte em juliana, a salada vai ficar lindinha. A receita é o livro de saladas do celeiro. IMG_0751

Ingredientes/Utensílios

Molho

  • 1/2 colher (sopa) de alho amassado;
  • 6 colheres (sopa) de molho de soja;
  • 1 1/2 colher (sopa) de vinagre de arroz;
  • 2 colheres (sopa) de oleo de gergelim tostado;
  • 1/2 colher (sopa) de açúcar branco;
  • 1/2 colher (sopa) de sal marinho;

Salada

  • 500g de farfalle;
  • 1/3 xícara de coentro picado;
  • 1 xícara de cenoura sem casca cortada em juliana fina;
  • 1/2 xícara de castanha de caju tostada e cortada ao meio;

Como fazer

  1. Em uma panela funda coloque 2 1/2 litros de água para ferver. Enquanto isso prepare o molho.
  2. Em uma bacia grande misture os ingredientes do molho com um batedor manual.
  3. Coloque a massa para cozinhar e, assim que estiver a um minuto do ponto “al dente”, escorra e coloque imediatamente no molho para pegar gosto.
  4. Acrescente o coentro, a cenoura e a castanha de caju.

O livro ainda dá umas informações excelentes sobre as receitas: Tempo: rápido pré-preparo: nenhum durabilidade: 2 dias na geladeira Serve 6 pessoas.

Sunomono – 酢の物 – só pepino

Essa foi a salada do jantar de ontem na minha casa. Uma vez fiz esta salada e meu marido me disse: tão pouco, poderia comer uma quantidade absurda. Ontem, eu fiz 3 pepinos e acho que ainda não atingi a quantidade absurda. 🙂

Sunomono quer dizer alimentos avinagrados em japonês. Para nós, sunomono é um vinagrete de pepino com kani. Eu não gosto de kani então, a minha receita é só com pepino. Fique à vontade para adicionar cenoura ou kani. Também ficará uma delícia!

O segredo da receita é cortar o pepino bem fino e desidratá-lo. Você vai precisar de uma mandolina ou outro cortador para auxiliar.

photo

Ingredientes/Utensílios

  • Mandolina;
  • 3 pepinos com casca;
  • 6 colheres de sal;
  • 4 colheres de açúcar branco;
  • 7 colheres de vinagre de arroz (tem que ser o de arroz);
  • gergelim torrado;

Como fazer

  1. Fatie o pepino usando uma mandolina ou outro utensílio de forma que ele fique bem fino;
  2. Misture as fatias do pepino com as 6 colheres de sal (é muito mesmo, mas depois vamos lavar o pepino);
  3. Deixe descansar por 30 minutos. O sal vai desidratar o pepino, fazendo com que ele solte muita água.
  4. Escorra a água que o pepino soltou e lave bem o pepino.
  5. Deixe o pepino de molho na água até o sal ser todo removido. Vá trocando a água de tempos em tempos. Esta etapa é rápida.
  6. Tempere o pepino com o açúcar, vinagre e uma pitada de sal.
  7. Deixe marinar na geladeira por pelo menos 30 minutos.
  8. Na hora de servir, coloque o gergelim torrado.

Serve 4 pessoas normais ou 1,5 aqui em casa 🙂

Orzo com ameixa e funcho – Celeiro

Buscando receitas que possam ser feitas com antecedência, encontrei esta salada no livro do celeiro. Fiquei curiosa e em dúvida se ela ia fazer sucesso, mas resolvi arriscar. Fui comprar o funcho na Cobal do Humaitá e lá mesmo compartilhei a receita com mais 2 senhoras. Elas saíram de lá, com todos os ingredientes e super animadas.

Aqui em casa ela fez sucesso. O livro  indica que a massa pode ser substituída por tabule ou couscous e continuar mantendo os sabores da África do Norte.

A salada pode ficar 2 dias na geladeira.

 orzo

Ingredientes/Utensílios

  • 2 colheres de sopa de azeite de oliva;
  • 1 colher de sopa de alho amassado;
  • 750g de funcho cortado em cubos médios;
  • 500g de orzo (massa formato arroz);
  • 1 colher de sopa de sal marinho;
  • 1kg de tomares, sem pele e sem sementes, cortados em cubos médios;
  • 1/4 de xícara de caldo de limão;
  • 1 colher de sopa de raspa de limão;
  • 300g (ou 2 xícaras) de ameixa preta lavada, seca e cortada ao comprido em tiras finas.

Como fazer

  1. Em uma panela funda ponha 2,5l de água para ferver.
  2. Em uma frigideira média, aqueça o azeite, refogue o funcho por 3 a 4 minutos até que comece a soltar um pouco do aroma, sem ficar mole ou descolorado. No último minuto adicione à frigideira o alho. Retire do fogo e deixe esfriar.
  3. Junte o funcho, os tomates, as ameixas, o caldo e a raspa de limão.
  4. Tempere com sal e verifique o azeite.
  5. Quando a água estiver fervendo, cozinhe o orzo até ficar al dente. Retire a água, escorra com uma peneira e junto ao molho.
  6. Deixe tomar gosto na geladeira em um vasilhame fechado por pelo menos 1 hora.

 

Figos Assados para a Sogra – Sabor Sonoro

Nunca dei bola para figos. Eventualmente comia figos na salada, mas nunca foi minha fruta preferida da salada. Este ano minha sogra passou uma temporada com a gente e me chamou a atenção para o figo, ela adora! Fui em busca de receitas, encontrei esta, fiz e fiquei apaixonada.

Agora, já tenho uma receitinha para agradar a minha sogra na próxima visita. 🙂

Aí está a receita original. Eu só inclui o manjericão no final, no prato.

IMG_0374

IMG_0373 (1)

Ingredientes/Utensílios

  • Figos;
  • Queijo Fresco ou Brie;
  • Mel;
  • Manjericão fresco ou tomilho
  • Azeite;
  • sal;
  • pimenta do reino;

Como fazer

  1. Faça um corte em cruz nos figos até o fundo mas sem separar as partes.
  2. Acrescente os cubinhos de queijo e folhas de manjericão dentro dos figos.
  3. Uma pitada, bem de leve, de pimenta do reino e sal. Se você tiver flor de sal então, melhor ainda!
  4. Asse por 15 minutos em forno preaquecido a 220º.
  5. Finalize com um fio de azeite.

Segue o link da receita original: http://saborsonoro.com.br/2012/04/figos-assados-com-queijo-e-mel/

 

Couscous de mix de cogumelos – Sabor Sonoro

Já tem um tempo que fiz esta receita. Amo tomate, couscous e cogumelhos, então não preciso falar muito.

IMG_0208

Ingredientes/Utensílios

  • 400g de cogumelos variados;
  • 1 xícara (chá) de couscous
  • 1 cebola pequena
  • manteiga e azeite
  • 6 tomates medios

Como fazer

  1. Corte as tampas dos tomates e tire a parte de dentro. Reserve.
  2. Refogue a cebola na manteiga e azeite até dourar, despeje os cogumelos já lavados e picados, e um pouco de sal.
  3. Adicione o couscous, meia xícara de água, misture bem e desligue a panela.
  4. Recheie os tomates com o couscous e leve-os ao forno médio por 20 minutos.

Serve 6 pessoas.

http://saborsonoro.com.br/2013/11/paris/

Tabule – do jeito que eu gosto

Adoro tabule, gosto ainda mais quando é bem azedinho e sem pepino. Servi a receita com um frango feito no Terças lá em casa. Será a próxima receita do blog!

Gosto é gosto, então faça como preferir: acrescente pepino, mais salsa, mais cebola e decida sobre o limão. 

IMG_0102

 

Ingredientes/Utensílios

  • 1/2 xícara de triguilho (para kibe);
  • 1/2 xícara de água filtrada;
  • 1/2 cebola pequena;
  • suco de 1 limão;
  • 2 tomates picados em cubinhos e sem sementes;
  • 2 colheres (sopa) de azeite;
  • salsinha a gosto;  (Uso mais ou menos 3 colheres sopa cheias)
  • hortelã a gosto;
  • sal;
  • pimenta do reino;

Como fazer

  1. Deixe o trigo de molho na água por 20 minutos.
  2. Pique a cebola em cubos bem pequenos, quanto menor, melhor. Reserve.
  3.  Pique a salsinha. Eu também gosto dela bem pequena, como chamamos na cozinha, batida. Reserve
  4. Corte grosseiramente o hortelã. Reserve.
  5. Após os 20 minutos, retire o excesso da água e misture ao trigo todos os ingredientes: cebola, tomate, salsa, hortelã, azeite e o suco de limão.
  6. Misture tudo e tempere com sal e pimenta.

Serve 4 pessoas.

Salada Caesar

Muitas vezes ficamos tão focados no prato principal de uma refeição que esquecemos de pensar na salada. Nesse almoço, estávamos preparando um rosbife com risoto de parmesão e decidimos incrementar a alface Americana para transformá-la em uma salada Caesar, a preferida de um dos convidados. Procuramos uma receita fácil na internet e ficou delicioso! No site, dizia que era a receita do molho do Outback. Nós não usamos anchova porque todos preferiam sem. Segue abaixo nossa interpretação.

Na hora de servir, colocamos em pequenas taças de sobremesa que já estavam sobre os pratos quando os convidados se sentaram.

Ficou um charme!

ceaser

Ingredientes/Utensílios

Para a Salada:

  • 1 alface Americana;
  • 1 xícara de croutons; 
  • 4 colheres (sopa) de molho Caesar;
  • 50 g de queijo parmesão em lâminas ou ralado grosso;

Para o Molho:

  • 1 xícara (chá) de maionese; 
  • 1 ovo; 
  • 1 xícara (chá) de queijo parmesão ralado
  • 2 colheres (sopa) de água
  • 2 colheres (sopa) de azeite
  • 1 1/2 colher (sopa) de suco de limão 
  • 2 dentes de alho amassados 
  • 2 Colheres (chá) de açúcar 
  • 1/2 colher (chá) de pimenta do reino 
  • 1/4 colher (chá) de sal

Para o Crouton:

  • 6 fatias de pão de forma;
  • azeite;
  • sal;

Como fazer

Salada:

  1. Rasgue as folhas da alface com as mãos em pedaços grandes.
  2. Misture o molho e polvilhe com o queijo parmesão e os croutons.

Molho:

  1. Bater tudo na batedeira.
  2. Provar após bater e se necessário acrescentar mais alho e queijo para não ficar com gosto de maionese. No nosso caso, foi necessário.

Crouton:

  1. Corte as fatias de pão de forma em cubos pequenos.
  2. Arrume em uma assadeira, regue com azeite e leve ao forno para torrar.
  3. Preste atenção, pois podem queimar muito facilmente.

Dica: prepare na hora de servir para não deixar os croutons e a alface murcharem.

Salada de Berinjela, tomate e muçarela de búfala – Cozinha de Estar

Mais um sucesso do terças lá em casa. Foi feito durante 2 dias seguidos de tão gostoso. A Renata comia almoço e jantar. Não corte a berinjela de modo que ela fique transparente, porque será difícil tira-la inteira do tabuleiro.

Imagem

Ingredientes

  • 2 Berinjelas pequenas;
  • 200g de tomatinho cereja;
  • 2 muçarelas de búfala;
  • folhas de manjericão;
  • 1 colher de sopa de shoyu;
  • 3 colheres de sopa de azeite;
  • sal e pimenta a gosto.

Como Fazer

  1. Pré aqueça o forno a 200°C. Lave e seque as folhas de manjericão, os tomatinhos e as berinjelas. Reserve.
  2. Enquanto o forno aquece, coloque os tomatinhos em um refratário pequeno. Regue com uma colher de sopa de azeite. Tempere com sal e pimenta do reino. Reserve.
  3. Corte e descasque as pontas das berinjelas. No sentido do comprimento, corte-as em fatias finas. O ideal é usar um mandolim para que fiquem bem uniformes.
  4. Pincele cerca de 1 colher de sopa de azeite em uma assadeira grande. Disponha as berinjelas e pincele as fatias com shoyu. Pincele com mais uma colher de azeite. Quanto maior a assadeira maior. Deixando um pouco de espaço entre cada fatia, elas ficam mais crocantes.
  5. Leve a berinjela e o tomate ao forno para assar por 10 minutos.
  6. Enquanto isso prepare o molho de Balsâmico
  7. Com a ponta da faca faça um furinho em cada muçarela e a partir dele abra o queijo em duas metades com as mãos.
  8. Retire os refratários do forno. Divida os tomates e as berinjelas em 4 pratos e regue com molho. Coloque a metade de uma muçarela, folhas de manjericão. Regue com azeite e tempere com sal e pimenta.

Serve: 4 pessoas

Tempo de preparo: 25 minutos

Carpaccio de maçã verde com molho de hortelã – Sabor Sonoro

A Ciça me indicou esta receita e eu não tive dúvidas de que a minha mãe ia amar. Fiquei esperando uma oportunidade e ontem fiz, no jantar de aniversário do meu irmão. Foi unanimidade. A maça verde combina perfeitamente com o hortelã. Delícia. 
Recomendo fortemente. A foto não está muito boa, mas quem quiser pode conferir no blog do sabor sonoro.

















Ingredientes:
– Maçã verde
– Cenoura
– Cebola roxa
– Hortelã, azeite, limão e sal para o molho

Como fazer:
Fatie a maçã o mais fino possível, coloque gotas de limão sobre as fatias para que elas não escureçam. Rale a cenoura e fatie também a cebola roxa.
Para o molho, pique as folhas de hortelã e misture com limão, sal e azeite. Reserve alguma folhas inteiras pra decorar.